Carta de Noticia de Angola - ACJ não gravou entrevista à Zimbo porque a TV recusou-se a passar em direto a sua mensagem
 


ACJ não gravou entrevista à Zimbo porque a TV recusou-se a passar em direto a sua mensagem

Written by  Mar. 04, 2021

Segundo dados relatados pelo jornalista Alexandre Salombe, também confirmados pela deputada da UNITA, Mihaela Webba, os repórteres da ZIMBO, chegaram ao local do evento com um atraso considerável (mais de 30 min.) e já o presidente da UNITA ia noutro afazer, no cumprimento da sua agenda de trabalhos.

"Presenciei a conferencia de imprensa do presidente da UNITA, Eng. Adalberto Costa Júnior, ocorrida no seu gabinete, sito na Maianga. Estive presente, do princípio ao fim 16 horas e 45 minutos", disse Alexandre Salombe.

Os repórteres, via-se, na ocasião, pediam insistentemente ao pessoal do gabinete do presidente, que convencessem o dirigente político para vir ao encontro destes e repetir a comunicação ora apresentada aos distintos órgãos.

Foi então, quando Adalberto Costa Júnior, procurou assegurar-se de que valeria fazer o sacrifício de suspender o seu afazer, se tivesse garantia em como a sua comunicação teria tratamento adequado.

Por seu lado, o repórter ao serviço telefonou aos estúdios, contactando Paulo Julião, porém não conseguiu uma promessa por parte do superior hierárquico.

Daí, se terão suscitado interrogações como, de que valeria então repetir uma tal comunicação, interrompendo uma agenda, sem nenhuma certeza de que a mesma teria tratamento profissional, quando aos actores políticos do partido no poder é garantido direito de transmissão direto e integral dos seus actos.

"A pontualidade é um gesto de respeito em qualquer parte do mundo mas em Angola, os repórteres de um órgão quase que forçam que um presidente fale, depois de haverem chegado atrasados à conferencia de imprensa", conforme Salombe.

Pelo que, a informação apresentada nesta terça-feira, no Telejornal da ZIMBO que diz ter visto uma equipa de reportagem sua, impedida de realizar o seu trabalho, "é grosseiramente falsa e indigna dum canal de TV, sustentado com fundos do Estado".

Mihaela Webba, deputada do "partido do galo negro", confirmou igualmente que, todos os órgãos de comunicação foram convidados a comparecerem à conferência de imprensa, porém, a TV Zimbo chegou tarde e quis gravar uma entrevista exclusiva com o líder do partido, Adalberto Costa Júnior.

A deputada esclareceu que o Presidente da UNITA, exigiu que só concederia a entrevista se fosse transmitida em directo, resposta que foi vista de forma negativa pela TV Zimbo, que recolheu as imagens do evento a partir de outros jornalistas e fez a peça desta terça-feira, no seu Jornal da Noite.

. .
.
.