Carta de Noticia de Angola - Economia
 

As operações cambiais privadas passam a ser feitas, a partir do próximo mês de Janeiro, sem necessidade de apresentação de qualquer documentação, como acontece actualmente, anunciou o Banco Nacional de Angola (BNA), num aviso divulgado na sua página oficial na Internet.

O vice-governador do Banco Nacional de Angola (BNA), Tiago Dias, considerou, nesta quinta-feira, que o Kwanza entrou para uma trajectória de apreciação, depois dos altos níveis de depreciação registados a partir de 23 Outubro.

O governador do Banco Nacional de Angola (BNA) admitiu hoje que a liberalização da taxa de câmbio vai ter impacto nas importações, mas acrescentou que foram tomadas medidas para "suavizar" a subida dos preços.

Angola é um dos países que mais melhorou no Índice que mede os Riscos e Recompensas em África, feito pelas consultoras Risk Controls e Capital Economics, apesar de preverem uma recessão de 0,5% este ano.

As exportações de produtos e serviços para Angola desceram 30% desde que João Lourenço assumiu a Presidência do país, ao passo que as vendas para Portugal subiram 276,5%, para mais de 430 milhões de euros.