Carta de Noticia de Angola - Politica
 
Ultimas Noticias
Politica

Politica (92)

A deputada do MPLA Welwitschia dos Santos “Tchizé” acusa o Comité Central do partido no poder de golpe baixo e de estar a fazer tudo para afastá-la do congresso porque os dirigentes “têm medo” dela.

O escritor sueco Jan Stocklassa, autor de um livro sobre a morte do antigo primeiro-ministro da Suécia Olof Palme, disse à Lusa que o crime pode ser resolvido "em breve", e que tem uma forte suspeita sobre a identidade do assassino.

O deputado João Soares disse acreditar que há vontade em Angola para avançar no processo de reconciliação nacional e alertou contra a tenção de "matar o pai", numa referência a José Eduardo dos Santos e a sua família.

A UNITA considerou hoje que o general Pedro Sebastião, ministro de Estado e da Casa de Segurança do Presidente da República de Angola, "não está à altura" do processo de reconciliação nacional em curso no país.

O presidente da UNITA, Isaías Samakuva, disse hoje, em Luanda, que os restos mortais de Jonas Savimbi serão entregues à família e ao partido na sexta-feira, no município do Andulo, província angolana do Bié.

O funeral oficial de Jonas Savimbi está confirmado para 1 de Junho próximo, afirmou, hoje, quarta-feira, no Cuito, o porta-voz da Unita, Alcides Sakala.

O político angolano Abel Chivukuvuku apelou hoje ao diálogo entre o Governo e a família do líder fundador da UNITA para ultrapassar as divergências entre as partes sobre as exéquias fúnebres de Jonas Savimbi.

O ministro de Estado e chefe da Casa Militar do Presidente da República, Pedro Sebastião, denunciou, esta terça-feira, na sede municipal do Andulo, província do Bié, que a UNITA está a criar obstáculos à recepção dos restos mortais de Jonas Savimbi.

O Governo angolano garantiu reparar os danos às vítimas dos conflitos políticos, incluindo do 27 de Maio de 1977. O facto foi anunciado em Março, em Genebra, ao Comité de Direitos Humanos da ONU, pelo ministro da Justiça e dos Direitos Humanos.

O docente universitário Mário Pinto de Andrade defendeu que os futuros candidatos às autarquias de 2020, tanto de partidos políticos, quanto individuais, devem ter a sua “ficha limpa”, para que possam concorrer às eleições, soube-se hoje.

  1. + LIDOS
  2. Comentarios